19 de agosto de 2013

Tempura de Espetadinhas com Boulgour e molho Pesto

Desde que descobri a tempura de espetadas e o boulgur com molho pesto que não quero outra coisa. Dá um pouco de trabalho, mas no final compensa por ser tão saboroso.
Tudo isto aprendi com a Raquel do Macroway que cozinha maravilhosamente bem.

Por todas estas razões, partilho aqui...

Espetadas de Seitan, Tofu, cogumelos, pimento e cebola:
Corto o seitan e o tofu em cubos e tempero-os com molho de soja e gengibre. (Um bom molho de soja faz toda a diferença. O oriental Shoyu à venda no Celeiro é um bom exemplo.)


Corto também pimento e cebola. Os cogumelos compro-os já laminados que dá menos trabalho.
Depois cozo os pedacinhos de pimento e os cogumelos com um pouco de sal, colocando-os num tacho quando a agua começa a ferver. Em poucos minutos eles estão cozidos e devem ser retirados da água.


Depois é só fazer as espetadas! Esta é a parte que não tem ciência nenhuma...
... seitan » pimento » cogumelo » cebola » tofu » pimento » cogumelo » cebola » seitan » pimento » cogumelo » cebola » tofu » pimento » cogumelo » cebola » seitan ...


Tempura / Polme:
A polme para a tempura faço com farinha e água com gás.
Acho que seria bom juntar especiarias. Ainda não experimentei, mas vou tentar para a próxima.
Misturo tudo, juntando pequenos pedaços de farinha à agua com gás, e mexendo com uma colher até formar uma papa. Depois envolvo cada uma das espetadas na polme e frito.



Boulgour e Molho Pesto:
Eu que era viciada em arroz branco para acompanhar quase tudo, agora prefiro o boulgour.
Cozo-o tal como o arroz. Uma medida de boulour para duas de água e deixo cozer até que a água desapareça.

Para o molho pesto pico salsa, coentros e mangericão. Coloco tudo num copo alto, junto dois dentes de alho picados, azeite e sumo de limão. Depois trituro tudo com a varinha mágica, até picar uma pasta.
Depois do boulgour pronto, é só juntar o molho pesto.



 Et voilà... uma delícia.



2 comentários: